Fifa libera Trippier para jogar após gancho por apostar na própria transferência - Noticias do Futebol, Aqui você encontrar tudo sobre futebol nacional e internacional se divirta-se no mundo da bola.
Site Overlay

Fifa libera Trippier para jogar após gancho por apostar na própria transferência

Neste domingo, a Fifa anunciou que aceitou o recurso impetrado pelo clube espanhol depois que o jogador foi punido há duas semanas pela Associação de Futebol da Inglaterra com uma suspensão de 10 semanas por quebrar regras relacionadas a apostas

O lateral-direito Kieran Trippier, do Atlético de Madrid e da seleção da Inglaterra, está liberado para jogar. Neste domingo, a Fifa anunciou que aceitou o recurso impetrado pelo clube espanhol depois que o jogador foi punido há duas semanas pela Associação de Futebol da Inglaterra (FA, na sigla em inglês) com uma suspensão de 10 semanas por quebrar regras relacionadas a apostas. Além disso, recebeu uma multa de 70 mil libras esterlinas (R$ 490 mil na cotação atual).

O Atlético de Madrid defendia que o período da suspensão não implicava qualquer jogo da seleção inglesa e deixaria apenas o próprio clube, sem culpa no processo, privado do jogador. A Fifa aceitou essa argumentação no recurso e o lateral estará à disposição do técnico argentino Diego Simeone até que se chegue a uma decisão final. Até lá, o clube espanhol poderá também recorrer à Corte Arbitral do Esporte (CAS, na sigla em inglês) para reduzir ou anular a pena de Trippier.

Em 2018, Trippier apostou, indiretamente, na sua própria transferência do Tottenham para o Atlético de Madrid. Fato que configurou violação de regras de apostas feira pela FA.

“Uma comissão reguladora independente foi nomeada para ouvir o caso, com quatro das supostas violações comprovadas e três rejeitadas durante uma audiência pessoal subsequente”, disse a federação inglesa em comunicado oficial no dia do anúncio da punição ao jogador de 30 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *