Evra revela ameaças de morte após episódio de racismo com Suárez - Noticias do Futebol, Aqui você encontrar tudo sobre futebol nacional e internacional se divirta-se no mundo da bola.
Site Overlay

Evra revela ameaças de morte após episódio de racismo com Suárez

O francês disse que recebeu ameaças de morte após o episódio racista que teve com o então atacante uruguaio do Liverpool, Luis Suarez

O francês Patrice Evra, ex-jogador do Manchester United, revelou que recebeu ameaças de morte após o episódio racista que teve com o então atacante uruguaio do Liverpool, Luis Suarez, em uma partida disputada em Anfield, em 15 de outubro de 2011.

“O Manchester United recebeu muitas cartas ameaçadoras contra mim”, disse Evra, nesta terça-feira, ao podcast do clube de Manchester. “As pessoas diziam: ‘Estamos na prisão, somos torcedores do Liverpool. Quando sairmos, vamos matar você e sua família”, acrescentou Evra, que precisou de uma escolta de guarda-costas.

Suarez, atualmente no Barcelona, foi punido com oito jogos de suspensão pela Federação Inglesa de Futebol, sendo considerado culpado de insultos racistas. Evra teria devolvido os xingamentos. O Liverpool defendeu o uruguaio e o clima ficou ainda mais tenso entre as duas equipes rivais.

“Durante dois meses, eu tinha segurança em todos os lugares que ia. Eles dormiam em frente à minha casa. Onde quer que eu fosse, os seguranças me seguiam”, disse o lateral-esquerdo. “Foi um período difícil para mim, mas não tive medo. Minha família estava com medo, minha esposa e meu irmão, mas eu não”.

No reencontro de ambos em 11 de fevereiro de 2012, Suárez não cumprimentou o francês antes da partida. Entretanto, antes do duelo de 23 de setembro de 2012, ambos se cumprimentaram.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *